Os 12 desafios do profissional liberal de Contabilidade/Finanças

No dia 27 de maio, é comemorado o Dia do Profissional Liberal. E, neste artigo, vamos passar por 12 desafios que contadores e consultores financeiros autônomos, por exemplo, precisam enfrentar e vencer diariamente, geralmente, sozinho. Isso tem nome: EUpreendedorismo.

Este termo foi criado há mais de 10 anos por um empreendedor paulista, que, hoje, ajuda EUpreendedores a EUpreender melhor. O termo é até engraçado e permite um monte de trocadilhos, mas a vida do profissional autônomo é de muita batalha… matar um leão por dia, sozinho, é tarefa para poucos.

E os desafios começam logo ao acordar:

1 – Propósito:

O que tira você da cama, de segunda à sexta (às vezes, aos sábados, domingos e feriados) para EUpreender? Você gosta do que faz, faz bem e deseja ajudar a quem precisa organizar sua empresa ou finanças? Definir um propósito é responder 3 perguntas: o que você faz (que problema você resolve), como faz (como resolve) e por que faz (qual o resultado). Estas perguntas desvendadas podem ser libertadoras.

2 – Planejamento:

Parece óbvio, mas não é bem assim. Geralmente, o EUpreendedor planeja para seus clientes, mas não para si. Você tem tudo bem definido? A parte financeira e/ou contábil é de se esperar que sim. Mas você sabe como encontrar o seu público, tem um plano para prospecção, uma estratégia definida para as vendas, pós-vendas…? Há de se prever que não, afinal, você naturalmente se relaciona melhor com números. Contudo, sem um plano para seguir e sem métodos para encurtar caminhos, você pode até chegar lá, a questão é que pode demorar mais e com mais dificuldade.

3 – Personas:

Quem é o seu cliente ideal? Aquele que atende todos os seus pré-requisitos, como pagar bem e em dia, não demandar muito e confiar em você? Promissor, não é?

Mas o que esse cliente faz? O que ele busca? O que ele gosta? Como e aonde você o encontra? Respondendo a estas e outras perguntas, você chega no seu cliente ideal.

Mas acontece que você tem como saber, se você nunca teve um cliente considerado ideal. Então, é mais fácil focar na persona do seu melhor cliente. Mire nesta persona, ao prospectar novos clientes.

Agora, se a maioria dos seus clientes não tem o perfil da persona ideal e são eles que fazem a roda girar, não os ignore. Tente entendê-los cada vez mais, para que se tornem clientes que confiam em você, não demandem tanto e, com o tempo, vão te pagar mais.

4 – Preço/Valor:

Seu serviço é caro ou barato? Esta pergunta está relacionada diretamente ao preço que você cobra. Mas uma boa forma de eliminar qualquer objeção em relação a preços é entregar valor.

Valor está relacionado a todo o pacote que você tem a oferecer e a todas as suas entregas, objetivas ou subjetivas. Se uma das suas entregas é o envio de relatório mensal, coisa que o concorrente faz, talvez gere mais valor você apresentar tal relatório presencialmente. Seu cliente pode perceber isso como um diferencial.

Portanto, crie meios de valorizar seu trabalho, pensando sempre em estrapolar as expectativas do cliente.

5 – Organização e Processos:

Você tem processos definidos? Toda a parte administrativa/financeira está em dia. Pensamos tanto em nossos clientes, que ficamos em segundo plano.

Para o EUpreendedor, existem diversas ferramentas tecnológicas que ajudam a organização de processos. Fique atento às tecnologias que facilitam a sua vida.

6 – Gestão do Tempo:

Um dos maiores desafios do EUpreendedor. Afinal, você tem que fazer tudo, da melhor e mais organizada maneira e no menor tempo possível. E isso nos leva ao próximo desafio…

7 – Multitarefismo:

Imagine que você tem  coisas pra fazer… a primeira, você completou, a segunda, você fez junto com a terceira; a quarta a quinta, você deixou pela metade, apareceu uma sexta e sétima, urgentes. Conclusão: a chance de errar, entregar mal ou não entregar são grandes. Então, dois grandes aprendizados são começar e terminar, evitando atropelos e delegar o que não é o seu business, o que você não faz bem.

Hoje, existem secretárias remotas, por exemplo, além de tecnologias que ajudam a ganhar tempo e produtividade, com organização das tarefas.

8 – Procrastinação (este tópico, vamos deixar para escrever depois…rs):

Em vez de procrastinar, se planeje para ter um tempo de descanso, de ócio. Deixar pra depois, vai te levar a fazer apressadamente e impactar negativos as entregas.

9 –  Resiliência:

Este é o mantra do EUpreendedor. Uma vida cheia de altos e baixos, que, às vezes, parece um roda gigante, outras uma montanha-russa e até um trem fantasma. E na fila do “parque da vida”, tem o empreendedor destemido, que encara os desafios; O equilibrado que vai, mesmo com medo; e o que fica paralizado e desiste. Seja o equilibrado. Tudo de mais, ou de menos, atrapalha.

10 – Foco:

Ninguém é nota 10 em tudo. Então, foque no que você faz de melhor. Ou seja, não se ofereça a fazer algo que é nota 6 ou 7, pois você vai dispender muito mais tempo e o resultado não será o melhor. Agora, se a questão é se adaptar a uma nova demanda, que pode ser muito boa, foque, para se tornar nota 10. Em economia, isto é chamado de  custo de oportunidade.

11 – Economia Compartilhada:

Indo direto ao ponto, veja seu concorrente como potencial parceiro. Pense bem: ele é nota 10, no que você é nota 7 e vice-versa. Por que não unir forças e fazer uma parceria. Assim, vocês compartilham clientes, entregam melhores resultados e terminam ganhando mais. Não estamos dizendo que você deve arrumar um sócio, mas alguém que possa qualificar ainda mais o seu trabalho.

12 – Mudanças:

Há quanto tempo você escuta falar em transformação digital? E a Covid-19? Uma crise que chegou e impactou o mundo de forma tão contundente, que a transformação digital está acontecendo à forceps.

Cada vez mais rápido, o mundo se transforma, mudam as regras do jogo e você deve se adaptar. Nosso exemplo é no ensino: no momento, só é possível aprender e ensinar online.

Por isso, estamos investindo no aumento da grade de cursos à distância, para oferecer um rol de cursos de curta e média duração, que visam atualização profissional, visto que uma das coisas que mudou em relação ao ensino é a necessidade de aprendizado contínuo.

Sugestão de exercício:

Faça uma lista com estes 12 desafios e ordene no que você precisa se desenvolver melhor. O autoconhecimento é outra virtude necessária e que ajuda a entender e termos a humildade de que não somos perfeitos e sempre temos algo a melhorar.

Conclusão:

Vida de EUpreendedor é difícil, mas se não fosse gratificante, não seriam tantos espalhados no Brasil e no mundo, com esse espírito empreendedor, uma fé que move montanhas.

Gostou do artigo?

Se curtiu, vai gostar mais ainda de saber que todos os nossos cursos EAD estão com 60% de desconto. Visite o site e confira!